Piton, pirarucu, couro exótico, python

 

 

Sobre matéria prima

 

Todo manejo de pele exótica é controlado pelo IBAMA. O fabricante deve ser certificado pelo órgão.

O piton e o peixe pirarucu tem 100 % da sua carne consumida, logo as peles são subproduto da indústria alimentícia e caso não utilizadas para produtos acabados seriam descartadas ocasionando emissão de toneladas de resíduos sólidos na natureza gerando poluição biológica. O aproveitamento desse material contribui muito para o desenvolvimento sustentável e impacta positivamente na vida das comunidades envolvidas.

Esse é o novo luxo, isso é a moda ética, onde resíduos são transformados em moda.

1)Piton : As peles de piton são originárias da Ásia, são capturadas em fazendas credenciadas, que possuem suas cotas estabelecidas conforme o tamanho e quantidades disponíveis. São abatidas em frigoríficos certificados e toda carne é consumida, sendo tradicional o consumo de carne de cobra na Ásia.

2)Peixe Pirarucu : É a espécie mais representativa da Amazônia, o que nos remete a um produto original, 100% brasileiro e de consumo consciente. Utilizamos peixes de criadouros com manejo sustentável e baixo impacto ambiental.

 

 

IBAMA 6786885